Ele não conseguiu superar a tristeza de se separar de seu pai humano, mas eles encontraram uma forma criativa de contornar essa situação

Ele não conseguiu superar a tristeza de se separar de seu pai humano, mas eles encontraram uma forma criativa de contornar essa situação

Shorty é um lindo pug de 15 anos que teve uma vida triste, até  11 anos atrás um homem chamado Marc o resgatou de um abrigo na Filadélfia e desde então eles têm vivido inseparavelmente.

O doce pug ama tanto seu pai que ele o segue aonde quer que ele vá, seja dentro ou fora de casa. No entanto, Shorty não é mais tão ágil quanto em sua juventude, então ele está mais em casa e não pode sair com Marc tanto quanto antes.

“Shorty e Marc têm um relacionamento muito especial. Ele fica muito feliz quando Marc o abraça “, disse Kristen Peralta, esposa de Marc.

Apesar de sua idade avançada, o pug impertinente tenta ficar o mais ativo possível para continuar acompanhando seu humano em todos os lugares. No entanto, ele tem muitas viagens de negócios e essa situação os obriga a permanecer separados por um longo tempo.

Saturday at the retirement home

Posted by Vintage Pet Rescue on Saturday, December 8, 2018

“O pug sente uma grande ansiedade quando Marc não está lá. Infelizmente, o trabalho faz com que ele viaje com muita frequência e, às vezes, por um longo tempo. Shorty late e chora com grande intensidade quando Marc sai e nada parece acalmá-lo, nem mesmo quando eu o abraço. Ele só quer o pai “, acrescentou a esposa.

A família Peralta é uma amante dos animais e tem administrado uma casa de repouso para cães mais velhos para aqueles que precisam de cuidados especiais, chamados Vintage Pet Rescue.  Está localizado em Rhode Island. 

Percebendo que o pug devastado não conseguia se consolar com nenhum membro da família ou amigo, Kristen começou a inventar novas maneiras de mantê-lo calmo .

Peralta tentou consolar seu filhote colocando uma camiseta de Marc em um travesseiro, mas Shorty notou imediatamente e não quis abraçá-lo. Parecia que nada poderia substituir o caloroso abraço de seu pai, até que sua mãe teve uma ideia incrível e brilhante.

Uma semana atrás, Peralta comprou um manequim em tamanho real em uma loja de Halloween sem que ninguém soubesse de seu plano. Quando ela recebeu o manequim em sua casa, a mulher duvidava que sua ideia fosse bem-sucedida, mas estava disposta a fazer o que fosse necessário para aliviar o sofrimento do pug triste.

Bug thinks the dummy is a real person…obviously someone needs to work on his manners.

Posted by Vintage Pet Rescue on Thursday, January 31, 2019

“Eu coloquei a camisa favorita de Marc porque tem um cheiro muito impregnado. Deitei Shorty em seu colo, envolvi-o nos braços de manequim e fiquei em paz por meia hora – a mulher apontou.

O manequim disfarçado acabou sendo tão convincente que até o irmão de Shorty, Bug, acredita que vai ganhar vida para brincar com ele. Graças à ideia fabulosa de Kristen, Shorty não sofre mais quando Marc está longe e também se tornou o melhor voluntário de refúgio.

“É adorável. Os outros filhotes sentam ao lado do manequim ou se reúnem em pé esperando que ele se mexa para brincar com eles “, acrescentou Kristen.

Marc não acredita que o manequim seja parecido com ele, mas ele fica muito feliz que seu amado pug não sofra mais enquanto ele sai para trabalhar.

Este é outro exemplo de como nossos animais nos amam. Devemos agradecer a amizade incondicional deles e enchê-los de mimos sempre que pudermos, para que eles tenham certeza de que nunca os abandonaremos.

“Compartilhe esta história maravilhosa de nobreza canina e nunca esqueça de encher seus animais de estimação com amor!

Envie seu comentário