A história dos 3 cães de rua encontrados protegendo um bebê indefeso deixado no lixo

A história dos 3 cães de rua encontrados protegendo um bebê indefeso deixado no lixo

O instinto protetor dos cães é algo tão natural e espontâneo,  sua nobreza e sua dedicação a nós, seres humanos, são imensas. Se pudéssemos comparar o nível de bondade, amor e inocência que está contido neles, diríamos que são como crianças. Portanto, o vínculo que se estabelece entre os dois nos traz histórias incríveis.

Como o ocorrido em 1996 na cidade de Calcutá, na Índia, considerada por muitos uma espécie de mito urbano. Ouvi falar de três cães de rua que foram encontrados cuidando de um bebê recém-nascido deixado sozinho em uma lixeira.

A cena inusitada foi reproduzida a partir de uma única fotografia existente o fato.

A fotografia que vamos compartilhar com você, por si só, esclarece algumas dúvidas sobre o ocorrido. No entanto, a história ainda é enigmática, devido ao pouco que se sabe sobre o caso da menina e seus três cuidadores.

Na época do ocorrido, a única mídia local disponível para divulgar a notícia era o diário Aajkaal, graças à redação de Pinaki Mujumdar. A nota dizia:

“Um bebê recém-nascido na beira do lixo. Ao seu lado, três cães vira-latas da rua. Durante toda a noite. Este incidente inconcebível e incrível não é o cenário de um roteiro, nem o enredo de uma história popular mundial; é algo real, tão real quanto a luz, o ar, a vida e a morte ”, escreveu Mujumdar.

A verdade é que, seja como for, o ocorrido teve um impacto na época e continua dando o que falar até hoje.

Por um lado, questiona-se como é possível alguém cometer um ato tão cruel como a rejeição de uma criança e, por outro lado, uma nova demonstração da bondade e nobreza que reside nos cães.

Como ficou sabido por meio de comunicado à imprensa, os cães não se moviam do lado do bebê. Eles serviram como pais adotivos sem hesitação, os três, como um trio de anjos da guarda.

E, quando um vizinho da área finalmente pegou a criança e a tirou do lugar indigno onde foi encontrada, os peludos o acompanharam até a delegacia, onde ao vê-lo chegar, as pessoas não puderam esconder o espanto.

“O espanto das pessoas na delegacia foi incrível com a menina, que estava apoiada na mesa de um dos policiais, mexendo as mãos e os pés”, acrescentou o repórter indiano.

Conhecidos os detalhes e salvos todos os personagens, o repórter encerrou a história dizendo que, no dia seguinte ao resgate, a menina foi transferida para um abrigo para menores.

Por sua vez, os três heróis cabeludos desta história voltaram calmamente à sua eterna peregrinação, certamente orgulhosos e prontos para fazer o mesmo por aqueles que mais precisam. Esperamos em breve encontrar alguma pista que nos leve a saber o que aconteceu com a garota e seus três heróis anônimos.

Os cães são simplesmente seres de Luz, querubins sem asas, anjos com quatro patas. ❤🐾



VEJA TAMBÉM





Envie seu comentário