Uma Carta de um Cão Resgatado. Duvido Você Não se Emocionar!

Uma Carta de um Cão Resgatado. Duvido Você Não se Emocionar!

Se você já salvou um cachorro, sem dúvida, você ouviu ou até usou a expressão “eles me resgataram”. Mas não se enganem. Você salvou esta vida frágil. Aquela vida que teve seu tempo na terra medido em dias. Por mais fantástico que esse pequeno filhote possa fazer você se sentir, talvez você nunca conheça a gratidão infinita e sincera que seu amigo tem por você.

A carta do seu cão resgatado.

Minha vida nem sempre foi fácil. Eu tenho sido gritado e tinha feito coisas para mim que nenhum cão deveria experimentar. Eu posso não mostrar as cicatrizes, mas acredite, eu as tenho. Eles magoam. Eu sempre senti que tinha feito algo errado. Eu estava mal. Talvez eu tenha feito algo para merecer isso. Mas foi a minha vida. Então eu fiz o melhor disso. Eu joguei quando pude. Eu tentei fazer as pessoas felizes. Mas não importa o quê, sempre terminava do mesmo jeito.

Claro, cometi alguns erros. Mas ninguém ouviu. Eu precisava ir lá fora. Eu não queria fazer uma bagunça na casa. E naquela vez eu mastiguei o sapato… Eu estava entediado. Eu estava sozinho. Talvez eu só quisesse alguma atenção. Mas não como a atenção que recebi. Isso dói. Eu ainda posso sentir a dor. Todo dia.

Então tudo mudou. Eu fui forçado no carro e levado embora. Um lugar tão frio. Eu estava preso em uma gaiola. Eu estava assustado. Eu podia ouvir outros cachorros. Latidos. Sempre latindo. Os sons me assustaram. Mas eu acho que eles estavam com medo também. Não foi de todo ruim embora. De tempos em tempos, as pessoas apareciam. Famílias. Crianças. Eles falavam comigo e sorriam. Mas eles nunca me levaram para casa. Havia algo de errado comigo? Eu poderia ser um bom cachorro. Eu queria ouvir Eu queria fazê-los felizes. Mas ninguém me queria. Isso dói.

Lentamente, me acostumei a estar aqui. O chão frio. A gaiola. O visitante ocasional. Eu comecei a brincar de vez em quando. E a comida sempre tinha um gosto bom. Mas no fundo da minha mente, sempre senti que havia algo errado comigo. Por que ninguém nunca me quis? Isso doeu mais do que qualquer dor que eu já senti.

Mas um dia você veio. Eu tentei tanto ser bom, mas não consegui parar de tremer. Abanando meu rabo. Pulando. Eu pude ver em seus olhos. Você seria meu lar para sempre. Mas eu não queria estragar tudo. Eu sempre parecia bagunçar as coisas. Talvez eu não merecesse ser feliz. Mas quando você se ajoelhou e colocou o nariz na minha cara, eu senti. 

Ame. Eu nunca senti isso antes. 

Graças a você – eu sabia o que significava sentir-se desejado. Necessário. E então você me levou para casa. Tantos novos cheiros. E a coisa que você coloca ao redor do meu pescoço que tem aquelas coisas brilhantes que tinem … Eu amo isso. Eu não sou um grande fã da coisa que você toca quando vamos passear, mas eu estou me acostumando com isso. Brinquedos e guloseimas. Agora esta é a vida.

Mas acho que a coisa mais importante que quero compartilhar com você é isso. Eu cometerei erros. Eu posso ter um acidente. Eu posso latir. Eu posso mastigar algo que não deveria. Mas estou tentando. Lembre-se, há muita dor em mim. Eu já passei por muita coisa. E tudo doeu. Mas todos os dias que passo com você me cura. Seu amor alivia minha dor. Eu não quero nunca fazer nada para perder isso. Você me deu uma nova esperança. Uma nova vida. E eu serei eternamente grato. 

Para sempre feliz. Contigo.



QUER LER MAIS HISTÓRIAS COMO ESTA?

CURTA 👍 NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK ⤵


LEIA TAMBÉM:

Cães de um Sem-Teto Esperam ele Pacientemente na Porta do Hospital Enquanto ele é Atendido.


Ele Pagou uma Passagem de Ônibus Extra para Poder Levar seu Cachorro com mais Conforto.


Encontrou o seu Gatinho “perdido” Dormindo Pacificamente sob a orelha de um Doce Golden Retriever!


Envie seu comentário