Ela Ajudou Cachorrinho Idoso e Surdo a Reencontrar sua Família Após 10 anos Vivendo nas Ruas

Ela Ajudou Cachorrinho Idoso e Surdo a Reencontrar sua Família Após 10 anos Vivendo nas Ruas

Há cerca de um ano, uma família de Curitiba (PR) reencontrou seu cachorro há muito tempo perdido que eles imaginaram estar morto por conta da dura realidade das ruas.

Snoopy – também conhecido como Fumaça, – foi devolvido aos donos no dia 9 de agosto. Ele passou 10 anos vivendo em situação de rua após ter fugido de casa. O cachorrinho, hoje idoso e completamente surdo, precisa de cuidados e atenção especial.

A responsável pelo reencontro foi a consultora comercial Karina Bremm, que fez um post nas redes sociais contando que havia encontrado o cão deitado dentro de uma poça d’água no meio da rua, no bairro Marinoni, em Almirante Tamandaré, na Região Metropolitana de Curitiba.

“Eu estava passando de carro quando vi o cachorro. Quase atropelei ele, buzinei fiz de tudo e nada. Parei o carro e tentei chamar para tirá-lo da rua, mas percebi que ele era surdo”, contou ela.

De início, Karina usou ração canina como isca para atrair Snoopy para seu carro. Levou-o para casa e tirou fotos, postando tudo na internet.

“Chegando em casa não sabia o que fazer e, como tenho gato, ficou complicado. Decidi, então, publicar nas redes sociais que havia encontrado o cão.

Ainda na internet, encontrei uma pessoa que me indicou um hotel para abrigá-lo”, explicou Karina.

Enquanto mantinha o cão no hotel, ela continuou fazendo publicações em grupos e nas redes para tentar achar o dono. Ela tinha ciência de que isso seria uma tarefa quase impossível, uma vez que Snoopy já é idoso e um tanto bravo.

Após um mês e meio de muita insistência, Karina teve uma boa notícia: um homem enviou uma mensagem para ela no Facebook falando que tinha visto a foto e achava que era o animal dele, que tinha fugido há 10 anos de casa.

A consultora comercial conta que o doguinho rosnava até quando ganhava comida. Porém, assim que viu o homem, ele logo o reconheceu e ficou mais dócil. Ela disse que o reencontro foi um momento muito emocionante.

Segundo o tutor de Snoopy/Fumaça, ele e outro cachorro fugiram há dez anos. Um dos cães voltou, mas Snoopy não.

Ele disse também que só viu a foto que Karina havia postado no Facebook porque tinha aparecido um outro cachorro na frente da casa dele e ele decidiu divulgar para tentar encontrar o dono.

O rapaz contou que a mãe do Snoopy fez parte da família por muito tempo e que o cachorro morou com ele por 11 anos, então agora ele deve ter 21 anos, está bem velhinho.



VEJA TAMBÉM




Envie seu comentário